Ipê Roxo

Handroanthus avellanedae, Tabebuia impetiginosa

Antibiótico natural, ficou famoso por suas propriedades analgésicas e anticoagulante é ainda indicado em casos de bronquite, asma e arteriosclerose. O Ipê-Roxo é tido como um poderoso auxiliar no combate a determinados tipos de tumores cancerígenos. É usado também como analgésico e como auxiliar no tratamento de doenças estomacais e da pele. No passado, foi largamente utilizado no tratamento da sífilis. A árvore do Ipê-roxo é alta e tem como característica as flores tubulares arroxeadas. A substância com propriedades terapêuticas é encontrada na casca.

Principais propriedades:

- Antiviral;
- Antitumoral;
- Adstringente;
- Antibiótica;
- Analgésica;
- Anticoagulante;
- Anticancerígena;
- Imunoestimulante.

Principais indicações:

- Câncer;
- Diabete;
- Bronquite;
- Afecções da pele;
- Lúpus eritematoso;
- Tosse dos fumantes;
- Ulcerações de pele;
- Úlcera duodenal;
- Úlcera gástrica;
- Reumartismos;
- Afecções renais;
- Nefrite;
- Impetigo.

Contraindicações:

- Gestantes;
- Hemofílicos;
- Hepatopatias;
- Trombocitopenia;
- Juntamente com anticoagulantes.

Parte Usada:

- Casca, folha

Fitoterápicos



Visitantes até 5 de julho de 2017: 3.378.076 - Fonte: UolHost

WhatsApp! (61) 99162-4619
camiloalencar@gmail.com